24.8.11

o tempo, parte I

Sempre que interrogado sobre sua ocupação, Seu Cândido respondia que trabalhava com o tempo. A verdade era que ele trabalhava com as horas e passava a maior parte dela na sua oficina consertando relógios. Ele era Cândido no nome e na alma. E fazia jus ao nome que recebera no nascimento assim como os pássaros o fazem. (...)

5 comentários:

Eduardo Carolino disse...

Meu pai é José Cândido.

Yuri Padilha disse...

pássaros, pois passarão?

Aline Emmendorfer disse...

Lindas palavras...
Estou seguindo teu blooog!
Adoreeei
http://brilhodosoool.blogspot.com
Confira e se gostar, siga. Besos

Poeta da Colina disse...

Quem dera ter um nome para viver por.

Manie disse...

admiro seu cândido... queria poder ter o dom de trabalhar com as horas também.